Páginas

segunda-feira, 6 de julho de 2015

Estados Unidos já investigam Del Nero e pagamentos feitos pela empresa Traffic

Estados Unidos já investigam Del Nero e pagamentos feitos pela empresa Traffic
Foto: Ricardo Stuckert/ CBF
O presidente da CBF, Marco Polo Del Nero, é alvo de uma investigação por parte da Justiça americana. Fontes próximas à investigação informaram à reportagem do jornal O Estado de S. Paulo com exclusividade que a apuração já está em curso em Nova York. Por se tratar ainda de uma investigação, nenhum detalhe será revelado até que existam provas suficientes para um pedido de indiciamento por parte dos americanos. Pessoas próximas ao caso dizem que, se forem comprovadas suspeitas contra Del Nero, pode ocorrer um pedido de prisão e até mesmo de extradição do brasileiro - o que seria difícil ocorrer enquanto ele não sair do Brasil. Del Nero não viajou ao Chile para a Copa América e seu próximo compromisso no exterior seria no dia 20, em Zurique, para uma reunião da Fifa. Por enquanto, um dos principais focos do trabalho dos investigadores é traçar a origem e o destino de alguns depósitos feitos para dirigentes da CBF. A apuração se debruça sobre pagamentos feitos por José Hawilla, dono da Traffic. A Justiça aponta como o empresário brasileiro foi obrigado a compartilhar um contrato que tinha com a CBF para os direitos da Copa do Brasil com a Klefer a partir de 2011. Para o período entre 2015 e 2022, a Klefer pagaria à CBF R$ 128 milhões pelo torneio, minando a posição privilegiada que Hawilla tinha desde 1989.
                                        
José Hawilla | Foto: Reprodução / ESPN
 Para evitar uma guerra comercial, Hawilla e a Klefer entraram em entendimento. Mas só neste momento é que a Klefer informou que havia prometido o pagamento de uma propina anual a um cartola da CBF, cujo nome não foi revelado. Essa mesma propina teria de ser elevada a partir de 2012, quando dois outros membros da CBF entrariam em cena. Um deles é José Maria Marin, preso na Suíça e aguardando o processo de extradição aos Estados Unidos. O outro nome está sendo alvo de investigação. Dois documentos revelados no dia 27 de maio pelo Departamento de Justiça dos EUA confirmam a suspeita. Nenhum dos dois traz o nome de Del Nero, que nega que ele seja a pessoa indiretamente apontada nos informes. Num deles, um empresário informa Hawilla que o pagamento de propinas aumentou quando outros dois executivos da CBF - especificamente o "Co-Conspirator #15" e “Co-Conspirator #16" - pediram propinas também. O documento explica que o co-conspirador 15 era membro do alto escalão da CBF e membro da Fifa e da Conmebol - a descrição apenas pode ser preenchida por José Maria Marin. Naquele momento, ele era o presidente da CBF, membro da Fifa e da Conmebol. O co-conspirador 16 seria membro do alto escalão da Fifa e da CBF. Apenas Del Nero mantinha cargo na CBF (vice-presidente) e na Fifa (membro do Comitê Executivo). "Hawilla concordou em pagar metade do custo da propina, que totalizava R$ 2 milhões por ano, para ser dividido entre Co-Conspirator #13, Co-Conspirator #15, e Co-Conspirator #16", indicou o indiciamento do empresário.
                                           
Foto: CBF
Procurada pela reportagem, a CBF enviou por e-mail a seguinte resposta: "O presidente da CBF desconhece qualquer procedimento investigativo envolvendo seu nome. Sua posição, em relação a questionamentos de toda natureza, é e será sempre de completa e irrestrita colaboração, sempre em conformidade com a lei e com a apresentação de fatos e dados objetivos que irão apenas corroborar a lisura de suas ações nas funções que ocupa ou ocupou. Se houver de fato uma investigação, ela vai concluir que o dirigente não teve qualquer envolvimento com propinas ou quaisquer irregularidades".

domingo, 5 de julho de 2015

Nos pênaltis, Chile bate Argentina e conquista pela 1ª vez a Copa América



Jogando em casa, o Chile fez valer o mando de campo e conquistou pela primeira em 100 anos de torneio o título da Copa América. A conquista veio neste sábado (4), quando a seleção chilena derrotou a Argentina nos pênaltis por 4 a 1, após um empate em 0 a 0 no tempo normal e na prorrogação. Matías Fernandes, Vidal, Aránguiz e Sánchez marcaram para o Chile nas cobranças de penalidades. Pelo lado argentino, só Messi converteu o seu pênalti. Higuaín e Banega desperdiçaram suas chances. Com a derrota, a Argentina chega a marca de 22 anos sem títulos. A última conquista da seleção principal foi a própria Copa América, em 1993. A geração do craque Messi ainda não levantou nenhum caneco no profissional, apesar de ter títulos na base e também nas Olimpíadas.

Campeão com o Chile, Vidal afirma: 'Somos os melhores da América'

Um dos nomes marcantes da Copa América, o chileno Arturo Vidal declarou que a sua seleção, que venceu a competição sobre a Argentina neste sábado (4), é a melhor do continente.  
 
"O povo chileno precisava desse triunfo. É algo maravilhoso ser campeão na América. Vamos lutar mais ainda na próxima Copa do Mundo, mas merecíamos essa vitória e mostramos que somos os melhores da América".
 
É a primeira vez que o Chile aparece entre os campeões na história centenária da competição.Para Vidal, o momento foi um sonho.
 
"É um sonho, essa equipe merecia algo assim. Deixamos tudo para traz, foi algo muito bonito para todos os chilenos. Não tem nada melhor do que ser campeões", finalizou o atleta.  

Thiago Pereira será porta-bandeira do Brasil no Pan

Representante brasileiro na natação, Thiago Pereira será o porta-bandeira do país na cerimônia de abertura dos Jogos Pan-Americanos de Toronto, no Canadá. Neste sábado (4), através de uma publicação no Instagram, o atleta, dono de 18 medalhas em Pans, fez o anúncio.
 
"Acabei de receber a ligação do Presidente do comitê olímpico brasileiro Dr. Nuzman , me convidando para ser o porta bandeira do nosso país nos jogos pan americanos de Toronto 2015, muito honrado pelo convite... Segue a foto do Pan do rio2007 , quando tive a oportunidade de ser o porta bandeira do nosso país no encerramento dos do Rio2007", escreveu.
 
Thiago Pereira é o segundo maior medalhista do Brasil em Jogos Pan-Americanos. Gustavo Borges, ex-nadador, é o maior premiado, com 19 medalhas.    

O evento que abrirá a competição irá acontecer na próxima sexta-feira (10)

Massa admite frustração, mas evita culpar Williams por erros


Felipe Massa não escondeu a decepção após perder o pódio no GP da Inglaterra de Fórmula 1. O brasileiro chegou a liderar a corrida deste domingo (5), em Silverstone, mas perdeu a ponta e, depois, a vaga no pódio, em razão de erros da estratégia da Williams. Apesar disso, o piloto evitou culpar somente a equipe pelo resultado "frustrante".

"Erramos. A primeira parada era um pouco difícil de saber. O Lewis Hamilton arriscou e entrou antes. Na segunda parada é claro que foi um erro. A gente acabou passando pela entrada dos boxes e perdeu a chance do pódio", afirmou o brasileiro em entrevista à TV Globo.

A primeira parada aconteceu na 20ª volta, logo depois de Hamilton. O piloto da Mercedes teve sucesso ao se antecipar porque salto do segundo para o primeiro lugar da prova, que pertencia ao brasileiro. Mesmo fazendo boa parada, Massa voltou à pista atrás do piloto da casa.

O atraso na segunda parada foi ainda mais decisivo. Tanto a Williams quanto a Mercedes já haviam decidido que não iriam mais para os boxes. Até que a chuva mudou a estratégias de todas as equipes. Novamente, Hamilton foi mais ágil e colocou pneus intermediários antes dos rivais, na 44ª volta. Massa só foi para os boxes na volta seguinte.

Neste intervalo, Hamilton abriu vantagem na ponta e o brasileiro perdeu rendimento porque tinha dificuldade em segurar sua Williams, com pneu seco, na pista molhada. Para piorar, Massa viu Sebastian Vettel também se antecipar nos boxes e buscar o terceiro lugar. Assim, o brasileiro voltou apenas em quarto, fora do pódio, mesmo depois de liderar a prova, com uma grande largada.

"É frustrante", admitiu o piloto da Williams. "Foi uma largada maravilhosa, o ritmo de corrida era bom. Estávamos brigando com as Mercedes. Se fosse uma corrida disputada totalmente no seco, com estratégia perfeita, poderíamos ter vencido", disse o brasileiro, que esperava repetir neste domingo o pódio obtido na etapa passada, na Áustria.

terça-feira, 30 de junho de 2015

Antes do clássico, Vitória lança campanha de doação de sangue



A diretoria do Vitória anunciou nesta terça-feira (30) uma campanha de doação de sangue em parceria com a Fundação de Hematologia e Hemoterapia da Bahia (Hemoba), intitulada “Rubro Negro Sangue Bom”. Quem realizar a doação ganhará um voucher que dará direito a uma camisa da ação e a um ingresso do setor de cadeiras para o clássico Ba-Vi, que será disputado no próximo sábado (4), no Barradão, pela 10ª rodada da Série B. Pablo Martins, diretor administrativo do Hemoba, comemorou a iniciativa da agremiação. “Parabenizo o Vitória por essa campanha solidária. É preciso ter esse tipo de campanha. Essas parcerias estimulam a doação de sangue. Quando o Vitória fez uma campanha semelhante em 2012, as coletas aumentaram em 40%”, afirmou Martins. As doações podem ser feitas no Hemoba e em pontos instalados no Shopping Bela Vista e o Salvador Shopping. Para doar sangue é preciso ter entre 16 e 69 anos e, no caso de serem menores de idade, ter autorização dos pais ou responsáveis legais. Também é necessário apresentar documento original com foto, pesar acima de 50 kg e estar em boas condições de saúde.  Não é preciso estar em jejum. Porem, caso tenha se alimentado, o torcedor precisará esperar 3 horas para fazer a doação.

Para evitar prisão nos EUA, Marin gasta R$ 1,9 milhão em advogados para a sua defesa



Ex-presidente da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), o cartola José Maria Marin já gastou cerca de R$ 1,9 milhão em advogados, tentando evitar a sua extradição para os Estados Unidos. De acordo com informações da Folha de São Paulo, os dois escritórios de advocacia contratados pela família do dirigente já estudam firmar um acordo com o governo norte-americano, no qual o brasileiro se colocaria à disposição da Justiça e pagaria indenização ao país de acordo com as multas correspondentes aos crimes pelos quais é acusado, além de abrir o seu sigilo bancário para investigação. No acordo, não existe previsão de confissão da culpa e nem mesmo uma espécie de delação premiada. Se o caso da extradição realmente acontecer, a ideia da defesa é que o acordo permita que Marín não fique nos presídios de Nova York por conta de sua idade, ficando em liberdade condicional. 

domingo, 28 de junho de 2015

CBF vai apelar à Justiça para ter Neymar nas Eliminatórias da Copa



A CBF pretende lutar juridicamente para ter Neymar nas Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2018, que começam a ser disputadas em outubro. A entidade preparou um estudo mostrando que, em seu entender, a punição de quatro jogos imposta pela expulsão contra a Colômbia deve ser cumprida em uma competição similar, ou seja, a próxima edição da Copa América e não na disputa de uma vaga para a Copa na Rússia. Com a eliminação precoce da seleção brasileira diante do Paraguai, o craque da seleção cumpriu dois jogos do total de quatro. Ainda restam outros dois. "Qual é a relação entre a Conmebol e as Eliminatórias?", questiona Walter Feldman, secretário-geral da CBF. "Temos um estudo sólido mostrando que o que aconteceu com Neymar foi exceção. A punição tem de ser cumprida em uma competição semelhante à Copa América", argumenta. A base da argumentação da CBF são os regulamentos da Copa América e da própria Conmebol e também casos anteriores de punições impostas aos atletas. O caminho para a apelação, no entanto, ainda não está definido. Uma das possibilidades é uma consulta à Fifa. Outra possibilidade é recorrer à Corte Arbitral do Esporte (CAS), tribunal internacional que regulamenta disputas esportivas localizado na Suíça. Um motivo de preocupação da entidade é o prazo para o julgamento que dificilmente ocorrerá antes do início das Eliminatórias.

Após assembleia, preisidente do Bahia se mostra satisfeito com número de sócios presentes



O presidente do Bahia, Marcelo Sant'Ana, se mostrou satisfeito com o número de tricolores presentes na Arena Fonte Nova, na manhã deste domingo (28), para realização da assembleia geral de sócios. Segundo ele, a boa quantia de associados ao Bahia presentes no estádio mostra o quanto eles estavam carentes quanto ao grau de aproximação ao clube. "A quantidade de torcedores presentes para debater, questionar e votar só prova o quanto o modelo de democracia é correte. Era uma demanda que estava reprimida. Esta assembleia foi um espaço para quem quer viver o Bahia de verdade, e não apenas assistir pela TV. Estou bem satisfeito", declarou ao Bahia Notícias. Entre uma conversa e outra com sócios e conselheiros, em meio às selfies, o mandatário do tricolor baiano foi questionado inúmeras vezes sobre o futuro do clube. Os dois principais temas, de acordo com Marcelo Sant'Ana, foram a mudança definitiva ou não para Cidade Tricolor e se o clube ainda está em busca de reforços para o Campeonato Brasileiro da Série B. "A Cidade Tricolor foi a vencedora. Torcedores querendo saber se o clube muda ou não, o que falta com relação ao negócio. E, como sempre, o assunto contratações também não foi esquecido. Torcedor ainda está muito preso aos resultados em campo", completou. Marcelo Sant'Ana, na última semana, completou seis meses como presidente do Esporte Clube Bahia.

sábado, 27 de junho de 2015

Com gol de João Leonardo, Bahia bate o Luverdense e retorna ao G-4 da Série B

Com gol de João Leonardo, Bahia bate o Luverdense e retorna ao G-4 da Série B
Foto: Felipe Oliveira / Divulgação / EC Bahia
O Bahia voltou a fazer valer o seu mando de campo no Campeonato Brasileiro da Série B. Na tarde deste sábado (27), o tricolor venceu o Luverdense na Arena Fonte Nova  por 1 a 0, com gol de João Leonardo. Com o resultado, a equipe comandada por Sérgio Soares vai para a terceira posição da competição nacional, com 18 pontos conquistados.
 
Agora, o Bahia foca as suas atenções para o clássico contra o Vitória, no próximo sábado (4), no Barradão, pela décima rodada da Série B.

O JOGO
 
Em uma tarde com tempo nublado na Arena Fonte Nova, Bahia e Luverdense, que se encontraram pela terceira vez em 2015, começaram a briga pelos três pontos. Sem grandes ofensivas das equipes, os presentes, aos dez minutos, viram Wilson Pittoni achar Kieza livre na frente do goleiro do Luverdense. A arbitragem, porém, acusou impedimento.
 
Edson impede gol de Jacó
 
Aos 12 minutos da primeira etapa, Tony fez boa jogada individual pela direita e cruzou rasteiro para Jacó. O atacante se posicionou muito bem e finalizou para defesa à queima roupa de Edson.
 
A pressão tricolor seguiu aos 18. Souza deu bom passe para Maxi Biancucchi na grande área. O argentino, no entanto, não conseguiu finalizar bem. Pressionado, o time do Mato Grosso chegou ao ataque sem causar perigos. Aos 20 minutos, Diogo Silva cruzou na área para Diego Rosa, que cabeceou sem força e facilitou a defesa de Douglas Pires.
 
Kieza acerta a trave
 
O incômodo de Kieza, que está sem marcar desde o Campeonato Baiano, esteve próximo de ter fim aos 22 minutos. O camisa 9 recebeu bom passe entre os zagueiros do Luverdense e ficou de frente para Edson. Na finalização com a perna direita, o jogador acertou a trave, para lamento dos tricolores.

Foto: Max Haack/ Ag Haack/ Bahia Notícias
 
Aos 28, Kieza fez sua jogada característica pelo lado esquerdo do campo, passou pelo marcador e cruzou. A bola foi direto para o gol e Edson defendeu. O Luverdense, que vinha sofrendo, resolveu descontar. Aos 31, no contra ataque, Alípio avançou e chegou na área. O jogador cruzou e Titi, atento, mandou para escanteio. A cobrança, na sequência, não causou problemas para Douglas Pires.
 
Douglas Pires faz grande defesa
 
Aos 37 minutos, o Luverdense quase abriu o placar na Arena Fonte Nova. Diego Rosa ganhou a bola contra Titi e tocou por cima de Douglas Pires, que estava adiantado. O goleiro, porém, foi rápido ao se recuperar e praticar uma bela defesa. Na sequência, um minuto depois, Maxi Biancucchi respondeu. O argentino driblou a defesa e finalizou. A bola atingiu as costas de Tiago Real antes de atingir o destino das redes.
 
Edson faz duas defesas
 
O Luverdense continuou pressionado pelo tricolor. Aos 40, Marlon usou o pé direito para mandar uma bomba que foi bem defendida por Edson. Logo depois, a bola continuou com o Bahia. Tiago Real mandou um chute colocado e viu o goleiro do time do Mato Grosso brilhar novamente.
 
Aos 43, Souza, em cobrança de falta, mandou uma bomba que passou perto e assustou o arqueiro do Luverdense.
 
Douglas Pires impede gol do Luverdense 
 
Aos 47 da primeira etapa, o adversário do tricolor teve chance com  Michel. O volante mandou uma bomba que foi rebatida por Douglas Pires. No rebote, Diego Rosa tocou para o gol e o arqueiro tricolor interviu. Foi a última grande chance de uma movimentada primeira etapa.  


Segundo tempo
 
O segundo tempo da partida começou com a mesma velocidade dos primeiros 45 minutos. Logo no início, Souza arriscou um chute de fora da área que acabou indo para fora. 
 
Edson defende bomba de Souza
 
Aos dois minutos, Maxi fez jogada pela direita e cruzou para Kieza, que não alcançou. Na sequência, Souza mandou um foguete que teve boa intervenção de Edson. Com sete minutos, Souza, em cobrança de escanteio, mandou para Marlon, que cabeceou por cima.
 
O jogo só voltou a ter oportunidade de gol aos 18. Após cobrança de escanteio e desvio de cabeça de Titi, o goleiro Edson deu um soco na bola e afastou.
 
Aos 26, Souza levantou bola na área e o argentino Maxi Biancucchi quase alcançou a bola na área.
 
A partida perdeu o ritmo e as oportunidades de gol diminuíram nos minutos seguintes. Aos 32, Pittoni, em cobrança de falta muito próxima ao gol, mandou ao lado da meta defendida por Edson.
 
Aos 38, a chance foi do Luverdense. Deyvid Sacconi cobrou escanteio na cabeça de Osman, que mandou muito próximo do gol de Douglas Pires.
 
João Leonardo marca o gol do triunfo tricolor
 
O esquadrão finalmente conseguiu superar a defesa do Luverdense. Aos 41 minutos, João Leonardo, que havia entrado no lugar do lateral Marlon, completou para a rede após passe de Jacó. Jogada da divisão de base do Bahia que aliviou os 13.701 pagantes na Arena Fonte Nova.  
FICHA TÉCNICA:
Série B - 8ª rodada
Bahia 1 x 0 Luverdense

Local: Estádio Arena Fonte Nova, em Salvador (BA)
Data: 27/06/2014
Horário: 16h30
Árbitro: Nielson Nogueira Dias (PE)
Auxiliares: Francisco Chaves Bezerra Júnior e Marcelino Castro de Nazaré (ambos de PE).
Cartões amarelos: Montoya, Ricardo, Raphinha (Luverdense)
Cartões vermelhos:
Gols: João Leonardo (Bahia)

Bahia: Douglas Pires; Tony (Adriano), Robson, Titi e Marlon (João Leonardo); Pittoni , Souza (Rômulo) e Tiago Real; Maxi Biancucchi, Kieza e Jacó. Técnico: Sérgio Soares.

Luverdense: Edson, Diogo Silva, Montoya, Everton e Paulinho; Michel, Muralha (Ricardo), Lázaro (Raphinha) e Osman; Alípio (Deyvid Sacconi) e Diego Rosa.Técnico: Júnior Rocha.

Bahia 1 X 0 Luverdense. Gol de João Leonardo (27/6/2015)


O Bahia conseguiu um triunfo contra o Luverdense na tarde deste sábado (27), pela nona rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. Porém, o jogo foi dificultado pela equipe mato-grossense. Foi o que afirmou o volante Souza, após o apito final. 
 
"Todos os times que vem aqui (Arena Fonte Nova) respeitam muito o Bahia e isso complica a gente. Mas hoje o pessoal do banco entrou bem e nos deram a vitória", afirmou, em entrevista ao Canal Premiere.
 
O atleta aproveitou para exaltar a divisão de base do Bahia, que foi importante durante a partida.
 
"São pessoas boas e que tem um grande futuro pela frente".
 
No próximo sábado (4), o Bahia irá enfrentar um clássico contra o Vitória, no Barradão, pela décima rodada da competição nacional.



Sérgio Soares valoriza atuação do Bahia: 'Tivemos intensidade'



Foto: Max Haack / Ag. Haack / Bahia Notícias
O desempenho do Bahia na partida deste sábado (27) contra o Luverdense foi valorizado pelo técnico Sérgio Soares. Em entrevista coletiva após o fim do jogo, o comandante afirmou que a equipe foi efetiva durante o jogo, válido pela nona rodada da Série B. 
 
"Tivemos intensidade, mas a última bola não foi ideal para a finalização dos atacantes. Por isso, a dificuldade. Precisamos corrigir essa situação para aproveitar melhor", analisou o técnico.
 
Passe de Jacó e gol de João Leonardo. O gol do triunfo do Bahia foi produzido pela divisão de base do tricolor. Para Sérgio Soares, os jovens atletas são boas alternativas para o time.    
 
"Temos que buscar alternativas e essas alternativas temos em casa. São os meninos e estamos dando oportunidade, enquanto eles tentam responder".
 
Na terceira posição do campeonato, com 18 pontos, o Bahia encara no próximo sábado o Vitória, no próximo sábado (27), no Barradão. 

Copa América: Confira os confrontos e datas das semifinais

Copa América: Confira os confrontos e datas das semifinais
Com a classificação da seleção paraguaia na tarde deste sábado (27), ao vencer Brasil nos pênaltis, na cidade de Temuco, os dois confrontos das semifinais da Copa América já estão definidos. Na próxima segunda-feira, dia 28 de junho, a equipe do Chile enfrenta o Peru, às 20h30, na capital Santiago. O jogo acontecerá no Estádio Nacional. No dia seguinte, na terça-feira, Argentina e Paraguai se reencontram neste torneio. Na primeira fase, o jogo terminou empatado. O confronto, na cidade de Concepción, está agendada para acontecer às 20h30. A disputa do terceiro lugar, envolvendo os perdedores das semifinais, será na sexta-feira (3), às 20h30. No dia seguinte, data da final da Copa América, os vencedores duelam, em Santiago, às 17h.

Robinho sobre eliminação: 'Nosso time precisa melhorar muito'

Robinho sobre eliminação: 'Nosso time precisa melhorar muito'
Foto: Daniel Teixeira / Estadão Conteúdo
Autor do único gol brasileiro na tarde deste sábado (27), no jogo que resultou a eliminação do Brasil da Copa América, o atacante Robinho falou sobre a fraca campanha do time canarinho na competição continental.
 
Segundo o jogador do Santos, o futebol apresentado pelo Brasil ainda carece de muita evolução.

"Nosso time precisa melhorar muito. Caímos de produção no segundo tempo, criamos chances, e não matamos o jogo. Depois levamos um gol em bobeira nossa", disse.

Sobre a substituição no final da partida, antes da disputa por pênaltis, o atacante Robinho demonstrou não ter gostado de ter saída do campo.

"Queria ter ficado em campo. Foi opção do treinador, respeito, mas não queria ter saído", reafirmou.

Brasil perde nos pênaltis e está fora da Copa América

Quatro anos atrás, comandada pelo então treinador Mano Menezes, a seleção brasileira enfretou o Paraguai nas quartas de final da Copa América. Empate no tempo normal e derrota nos pênaltis. Quatro anos depois, desta vez com a competição realizada no Chile, e agora sob comando de Dunga, o Brasil decepcionou novamente.
 
O confronto terminou empatado no tempo normal em 1 a 1, com gols de Robinho e González. Nas penalidades, o time brasileiro levou a pior como em 2011. Éverton Ribeiro e Douglas Costa bateram para fora, enquanto apenas o experiente Roque Santa Cruz perdeu para seleção do Paraguai.
 
Jogo
O Brasil, logo com 1 minuto, mostrou o cartão de visitar. O meia Phillipe Coutinho arriscou um chute de muito longe e colocou o goleiro do Paraguai para trabalhar. O arremate, mesmo no meio do gol, apresentou muitas dificuldades para o arqueiro paraguaio.
 
O jogo nos primeiros 15 minutos foi muito truncado. Erros de passes dos dois lados e pouca criatividade, até que o Brasil construiu uma linda jogada e abriu o placar. O lance começou com Fernandinho, no campo defensivo, e passou por diversos atletas. Daniel Alves avançou pela direita e cruzou para área. Robinho apareceu sem marcação e finalizou: Brasil 1x0.

Brasil e Paraguai fizeram um primeiro tempo ruim bem abaixo do que podem, tecnicamente falando. Os paraguaios, em lances de bola parada, tentavam chegar ao empate mas esbarravam na boa atuação defensiva do time canarinho.

O time comandado por Dunga, por outro lado, apresentou os mesmos erros dos jogos anteriores. Posse de bola maior, porém, pouca objetiva. Robinho, Coutinho e William não se encontravam para abastecer Roberto Firmino.

 Foram 45 minutos decepcionantes.

Segundo tempo
O Paraguai, com 2 minutos, já tentou igualar o marcador. O atacante Valdez recebeu um belo lançamento, ficou de frente para o goleiro Jeferson, mas o lance não valeu. O auxiliar, para sorte do BRasil, viu posição irregular do avançado do Paraguai.
 
Aos 5, o meia Derlis González cobrou falta com muita força e o goleiro do BRasil foi obrigado a fazer boa defesa. Pouco depois, através de cruzamento, o atacante Valdez cabeceou e mandou para fora. Os brasileiros, muito timidamente, chegaram apenas em finalizações de Robinho e Roberto Firmino. Os chutes foram ruins e sem direção.

Aos 15, após cruzamento, o zagueiro Paulo da Silva cabeceou no canto esquerdo e o goleiro Jeferson estava lá, novamente, bem posicionado. Bela defesa e manutenção do resultado positivo para o Brasil. O Paraguai insistiu na jogada aérea o tempo todo, até que conseguiu criar uma chance de gol em cobrança de pênalti. Como no jogo da Liga dos Campeões, contra o Chelsea, o zagueiro Thiago Silva tentou cortar o cruzamento e antes disso tocou com a mão na bola: Pênalti.  

Na cobrança, González não decepcionou. Bateu forte no canto direito e deixou tudo igual no placar: Brasil 1x1 Paraguai. A seleção do Paraguai não se contentou apenas com o empate. Queria mais! O Brasil criou uma jogada pelo lado esquerdo, errou passe e cedeu contra-ataque. Bobadilla aproveitou o espaço nas costas de Felipe Luis, entrou na área e finalizou. Jeferson estava atento e espalmou.

O Brasil, que novamente não jogava bem, resolveu acordar aos 36 minutos. Philippe Coutinho fez jogada individual, pela esquerda, e finalizou para defesa de Justo Villar.

O empenho das duas equipes não foi suficiente para evitar a disputa por pênaltis:

Brasil: (O) (X) (O) (X) (O)
Paraguai: (O) (O) (O) (X) (O)

FICHA TÉCNICA
BRASIL X PARAGUAI
Copa América - Quartas de final
Local: Estádio Collao, em Concepción (Chile)
Data: 27 de junho de 2015, sábado
Árbitro: Andres Cunha (URU)
Assistentes: Mauricio Espinosa (URU) e Carlos Pastorino (URU)
Cartões amarelos: Daniel Alves, Thiago Silva Philippe Coutinho / Bruno Valdez, Martínez, Pablo Aguillar
Gols: Robinho /  Derlis González

BRASIL: Jefferson; Daniel Alves, Thiago Silva, Miranda e Filipe Luís; Fernandinho, Elias, Willian (Douglas Costa), Philippe Coutinho e Robinho (Everton Ribeiro); Roberto Firmino (Diego Tardelli). Técnico: Dunga
 
PARAGUAI: Justo Villar; Bruno Valdez, Paulo da Silva, Pablo Aguilar e Iván Piris; Derlis González, Aranda (Martínez), Cáceres e Édgar Benítez (Romero); Roque Santa Cruz e Nelson Haedo Valdez (Bobadilla). Técnico: Ramón Díaz

sábado, 20 de junho de 2015

Vitória perde três atletas para jogo contra o Paysandu



Em um jogo decisivo, contra um adversário direto na briga para se manter entre os quatro líderes do Campeonato Brasileiro da Série B, o Vitória não vai poder contar com dois jogadores titulares: Pedro Ken e Amaral. O primeiro, autor de um dos gols do triunfo sobre o ABC, neste sábado (20), recebeu o terceiro cartão amarelo e terá que cumprir suspensão. Os jovens Dakson e Mauri, reservas diante do time potiguar, ou o experiente Jorge Wagner, em tratamento médico, são opções. Já o volante Amaral, na mesma partida, fez falta dura no meio Ronaldo Mendes, ainda no primeiro tempo, e foi expulso do jogo. Para o lugar do camisa 5, o técnico Vagner Mancini deve promover o retorno de Marcelo ao time. O zagueiro Ramon, expulso, também será mais um na lista de desfalques. O Vitória enfrenta o Paysandu na próxima terça-feira (23), às 21h50, em Belém.

Santos 2 x 0 Vitória Melhores Momentos Final Copa do Brasil 1° Jogo

Vitória 2 X 0 ABC (RN). Gols de Perdo Ken e Rogério. (20/6/2015)

Ipiaú: Quatro equipes estreiam domingo no Campeonato Municipal


Após a abertura do Campeonato Municipal de Futebol sub-23, no último domingo (14), no estádio Pedro Caetano, em jogos válidos pela 1ª rodada, cujas equipes que entraram em campo compõem o Grupo A, desta vez as equipes do Grupo B estarão estreando. No primeiro jogo, às 13h30, jogarão Irmã Dulce x Avenida, enquanto às 15h30 jogarão Feirinha x Davi de Souza. No Campeonato Municipal sub-23 é permitido a inscrição de apenas cinco atletas acima de 23 anos. O campeonato conta com oito equipes, que estão divididas em dois grupos com quatro cada. O certame é organizado pela prefeitura municipal de Ipiaú e Diretoria de Esportes. (Giro em Ipiaú)


Neymar é suspenso por 4 jogos e perde Copa América



O Tribunal Disciplinar da Conmebol decidiu suspender Neymar por quatro jogos devido à expulsão do atacante do Barcelona no jogo contra a Colômbia, pela segunda rodada da Copa América. Com isso, a princípio, o atacante está fora da competição sul-americana. A CBF ainda poderá recorrer da decisão. No entanto, caso o recurso brasileiro seja acatado, a suspensão mínima de Neymar será de três jogos, punição que ele pegou somente pela cabeçada que deu no adversário. Ou seja, o máximo que o atleta conseguirá é atuar na final. Além da punição das quatro partidas, Neymar também recebeu uma multa de US$ 10 mil. A CBF tem a partir deste sábado, quando forem publicados os fundamentos da suspensão, para recorrer da decisão do tribunal com um recurso no Comitê de Apelações, presidido pelo equatoriano Guillermo Saltos. De acordo com o diretor jurídico da CBF, Carlos Eugênio Leite, o recurso para rever o agravante da ofensa ao árbitro será enviado neste sábado. *Informações do Portal Uol.

quinta-feira, 18 de junho de 2015

Com reservas, Brasil bate Costa Rica e fecha grupo com 100% no Mundial Feminino



Classificada antecipadamente às oitavas de final e já com a liderança do Grupo E assegurada, a seleção brasileira usou um time reserva para enfrentar a Costa Rica, nesta quarta-feira, em Moncton, pela terceira rodada da fase de grupos do Mundial de Futebol Feminino, que está sendo realizado no Canadá. E as suplentes escaladas pelo técnico Osvaldo Alvarez, o Vadão, não fizeram feio e derrotaram a Costa Rica por 1 a 0, confirmando os 100% de aproveitamento na competição. Com 9 pontos, o Brasil fechou a fase de grupos disparado na liderança. A segunda colocação ficou com a Coreia do Sul, que chegou a quatro ao derrotar de virada a Espanha por 2 a 1, em Montreal. Costarriquenhas, com dois pontos, e espanholas, com um, estão eliminadas do Mundial. Por opção da comissão técnica, a seleção brasileira jogou nesta quarta-feira sem suas principais jogadoras: a meia Marta - maior artilheira da história do Mundial Feminino, com 15 gols - e as atacantes Cristiane e Formiga. Isso já visando o duelo contra a Austrália, neste domingo, às 14 horas (de Brasília), novamente em Moncton, pelas oitavas de final. Em campo, o Brasil dominou o jogo, mesmo com as reservas. Tanto que a goleira Díaz, de Costa Rica, foi a melhor da partida. Ela fez várias defesas, mas não conseguiu salvar o chute cruzado de Raquel Fernandes, aos 37 minutos do segundo tempo. As costarriquenhas pouco assustaram a meta de Luciana. Com os resultados da 3ª rodada, os duelos das oitavas de final estão definidos: Brasil x Austrália, Japão x Holanda, Noruega x Inglaterra, Canadá x Suíça, China x Camarões, Estados Unidos x Colômbia, Alemanha x Suécia e França x Coreia do Sul.

Brasil perde da Colômbia na Copa América; Neymar é expulso após fim do jogo



As 11 vitórias seguidas da seleção brasileira chegaram ao fim na noite desta quarta-feira, em Santiago. Com uma atuação apática, o time do técnico Dunga foi dominado e derrotado pela Colômbia de James Rodríguez e Cuadrado por 1 a 0, em seu segundo jogo na Copa América. O resultado, além de adiar a classificação brasileira às quartas de final, marca o primeiro revés desde a Copa do Mundo. Para piorar, Dunga perdeu Neymar para os dois próximos jogos da seleção - caso o Brasil avance às quartas de final. O atacante, que já havia levado o segundo cartão amarelo durante a partida, foi expulso após o apito final por se envolver em confusão com jogadores da Colômbia. Clique aqui e leia a matéria completa na Coluna de Esportes.

terça-feira, 16 de junho de 2015

Ipiauense Vladimir é eleito o melhor goleiro da sétima rodada do brasileirão‏

O goleiro ipiauense Vladimir, titular do Santos, foi escolhido como o melhor goleiro da sétima rodada do Campeonato Brasileiro. O atleta baiano foi o principal destaque do duelo entre Atlético MG e Santos, em jogo realizado no estádio Independência, em Belo Horizonte. Vladimir obteve nota 7,5, a maior entre os goleiros. O ipiauense assumiu a titularidade desde que Vanderlei se machucou. Embora o antigo titular Vanderlei já tenha se recuperado, Vladimir continua atuando como titular. De acordo com o goleiro, que também se destacou nas finais do paulistão, defendendo um pênalti, este é o melhor momento de sua carreira. (Giro em Ipiaú)

segunda-feira, 15 de junho de 2015

Começou o Campeonato Municipal de Futebol Sub-23‏ de Ipiaú

Prefeito participou da abertura da competição.
O campeonato municipal sub-23, organizado pela diretoria de esportes, começou com duas partidas válidas pelo grupo A. No primeiros jogo, a Fazenda do Povo, que é composta por quase todos os jogadores de Ipiaú, venceu o São José Operário pelo placar de 3-1. Já no jogo de fundo, que contou com fanfarra e hino nacional antes da bola rolar, teve a vitória do time de Córrego de Pedras contra a Rua da Banca por 1-0, com gol de pênalti. 
Uma fanfarra animou a abertura do Campeonato.
Cerca de uma centena de torcedores marcou presença no estádio Pedro Caetano, mesmo com o tempo chuvoso. Vale registrar que foi tudo muito organizado, inclusive tivemos a presença de polícia e uma ambulância. No próximo domingo (21) o campeonato prossegue com a estreia das quatro equipes do grupo B. (Giro em Ipiaú)

domingo, 14 de junho de 2015

Colômbia decepciona na estreia e é derrotada pela Venezuela

Após realizar uma ótima campanha na última Copa do Mundo, a Colômbia decepcionou os seus torcedores e foi derrotada em sua estreia na Copa América neste domingo. Em jogo sediado no estádio El Teniente, em Rancagua, no Chile, o elenco dirigido por José Pékerman não demonstrou um bom futebol e acabou superado pela Venezuela por 1 a 0.
Os venezuelanos criaram mais chances de perigo durante quase toda a partida e foram recompensados com o gol de Salomón Rondón. Nos minutos finais do duelo, os colombianos pressionaram a Vinotinto, mas não conseguiram empatar o duelo.
A Venezuela começa bem a Copa América e marca os seus primeiros três pontos no Grupo C. Além da Colômbia, a chave tem a Seleção Brasileira e o Peru.
A Colômbia volta a campo na próxima quarta-feira, às 21 horas (de Brasília), quando enfrenta o Brasil em Santiago, no estádio Monumental David Arellano. Já a Venezuela retorna na quinta-feira, às 20h30, contra o Peru, em Valparaíso, no Elías Figueroa.

O jogo – Colômbia e Venezuela fizeram um jogo muito truncado no início do primeiro tempo. Ambas as seleções não criavam chances reais de perigo, facilitando a vida dos goleiros Ospina e Baroja.
A primeira oportunidade do confronto disputado no estádio El Teniente foi da Venezuela e saiu aos 26 minutos do primeiro tempo. Arango invadiu a área colombiana e serviu Vargas. O meio-campista rematou bem, mas o goleiro Ospina praticou uma bela defesa para salvar a seleçãocafetera.
A Venezuela continuou mais perigosa no primeiro tempo. Aos 41 minutos, Guerra recebeu a bola na área colombiana e acertou um belo chute no canto esquerdo de Ospina, que teve que se esticar para salvar o elenco dirigido por José Pékerman.
Os venezuelanos não diminuíram o ritmo no segundo tempo e seguiram causando problemas à zona defensiva da Colômbia. Com nove minutos de bola rolando na etapa, Rondón e Vargas tabelaram, e o atacante finalizou na trave defendida por Ospina. Apesar do susto, o árbitro já assinalava falta do camisa 9 da Vinotinto.

Colômbia e Venezuela fizeram um jogo muito disputado no estádio El Teniente, em Rancagua (Foto:Juan Barreto)
As boas oportunidades criadas pelo elenco treinado por ‘Chita’ Sanvicente deram frutos aos 14 minutos. Arango cruzou para Vargas, que viu Rondón e tocou. O centroavante do Zenit acertou uma bela cabeçada e colocou a bola no fundo das redes, abrindo o marcador do estádio El Teniente de Rancagua para os venezuelanos.
A primeira chance de perigo dos colombianos veio aos 28 minutos da segunda etapa. Recém-ingressado no confronto, Teo Gutiérrez recebeu passe de James Rodríguez, invadiu a área venezuelana e chutou mal, desperdiçando uma grande oportunidade de igualar o placar.
Atrás no marcador do El Teniente, a Colômbia começou a se soltar na partida e criar perigo ao arco da Vinotinto. O goleiro Baroja teve que se esforçar para manter o 0 a 0 aos 33 minutos, quando James Rodríguez arriscou de longe e Cardona soltou uma bomba no rebote.
Os colombianos pressionaram os venezuelanos nos minutos finais do duelo, mas não conseguiram concretizar no gol defendido por Baroja.
Fonte Gazeta esportiva