'Ela me disse que quer contar comigo', diz Wagner sobre presença em equipe de Dilma

O governador Jaques Wagner (PT) comentou sobre a sua participação no segundo mandato da presidente Dilma Rousseff (PT) nesta quarta-feira (19) durante a assinatura do Estatuto da Igualdade Racial. Ele negou que já haja a sinalização de qual ministério ele irá assumir e desconversou quando perguntado sobre a possibilidade de assumir a Petrobras. “Já conversei com Dilma pra ajudá-la e sou parceiro dela e do projeto que a gente vem construindo”, minimizou Wagner. O petista se limitou a dizer que “ela me disse que quer contar comigo, mas ainda não discutimos em que posição”. De acordo com o governador, Dilma deve anunciar a sua equipe de transição na segunda quinzena de dezembro e agora está preparando a área econômica. “Não tem porque parar o estado”, afirmou Wagner. Segundo ele, a eleição apertada serve para duas coisas: dizer a quem ganhou para “tomar cuidado, pois não está sobrando” e que quem perdeu deve “ter esperanças, pois chegou perto”.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

BARRA DO ROCHA: HOMEM É ASSASSINADO À GOLPES DE FACÃO EM FAZENDA

'Um dos maiores da história', diz Petkovic sobre Júlio César

Vinícius faz golaço em empate do Real B, mas é expulso por simulação