França gastará cerca de 1,3 bilhão de reais em combate ao terrorismo

O governo francês investirá 425 milhões (aproximadamente 1,3 bilhão de reais) em medidas de segurança contra ataques jihadistas em seu território. Também serão contratadas 2.680 pessoas principalmente para combater a radicalização de detidos em prisões francesas, de acordo com anúncio feito pelo primeiro-ministro Manuel Valls, nesta quarta-feira (21), que classifica a ameaça como muito alta. "É preciso vigiar 1.300 pessoas, francesas ou estrangeiras, por seu envolvimento em redes terroristas na Síria e no Iraque. A estas se somam 400 ou 500 pessoas em redes mais antigas ou que afetam outros países, assim como os principais atores ativos no ciberjihadismo francófono. No total são cerca de três mil pessoas que precisam ser vigiadas", declarou. Ele ainda pediu que os partidos políticos refletissem sobre a possibilidade de retirar a nacionalidade francesa de condenados por terrorismo.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

BARRA DO ROCHA: HOMEM É ASSASSINADO À GOLPES DE FACÃO EM FAZENDA

'Um dos maiores da história', diz Petkovic sobre Júlio César

Vinícius faz golaço em empate do Real B, mas é expulso por simulação