Procuradores fazem pente-fino em informações de delatores da Lava Jato

A força-tarefa da Operação Lava Jato investiga na Suíça se delatores do esquema de corrupção na Petrobras omitiram dos acordos firmados com o Ministério Público Federal e homologados pela Justiça recursos depositados em contas no país europeu. Um dos focos dos procuradores que desembarcaram no início da semana no território suíço é constatar se os réus informaram todo o dinheiro arrecadado ilicitamente a partir do esquema de corrupção na Petrobras e enviado ao exterior. Caso seja identificado que mentiram na delação, os benefícios colaboração premiada, como redução de pena, podem ser anulados. Investigadores da Lava Jato disseram ao jornal O Estado de S. Paulo, sob anonimato, que estão passando um pente-fino nas contas dos delatores. A Lava Jato suspeita que eles mantêm contas na Suíça além das informadas em seus depoimentos. Até o momento, 11 denunciados nos processos que correm na primeira instância da Justiça Federal no Paraná já fizeram acordo de delação premiada em troca de atenuantes nas penas. O ex-diretor da Petrobras Paulo Roberto Costa é um dos que têm suas contas rastreadas. O executivo informou a existência de cinco contas controladas por ele com saldo de US$ 26 milhões na Suíça. Se for descoberto que ele tem mais dinheiro do que o comunicado à Justiça, o ex-diretor pode perder o direito a cumprir a pena em casa. As informações que Costa deu à Justiça foram fundamentais para comprovar o esquema de corrupção na diretoria da Abastecimento da Petrobras e revelar a atuação em outras áreas. Ele revelou que partidos políticos como PT, PMDB e PP recebiam parte dos recursos públicos desviados de contratos com a Petrobras. Conforme relatos colhidos pelo Estado, os documentos do Ministério Público da Suíça vão levar a Lava Jato a abrir uma nova etapa inédita na investigação. Mais nomes e mais contas do esquema foram descobertas pelos suíços.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

BARRA DO ROCHA: HOMEM É ASSASSINADO À GOLPES DE FACÃO EM FAZENDA

'Um dos maiores da história', diz Petkovic sobre Júlio César

Vinícius faz golaço em empate do Real B, mas é expulso por simulação