Santos e Palmeiras colocam em campo rivalidade acirrada

O campeão e o vice do último Campeonato Brasileiro passaram as últimas temporadas em rivalidade acirrada por decisões constantes de título. Neste domingo, na Vila Belmiro, às 18h30, se encontram pela nona rodada do Campeonato Paulista em condições quase opostas. O Palmeiras, consolidado pela boa sequência, visita o Santos, em busca de reação no Estadual.
O jogo, ao mesmo tempo, pode dar ao Palmeiras a vaga antecipada à próxima fase - em caso de vitória - e complicar o rival. O Santos tenta entrar na zona de classificação para não passar o vexame de ser eliminado ainda na primeira fase.
"Deixamos adversários abrirem vantagem e agora precisamos correr atrás para recuperar. Nada melhor do que fazer isso em um clássico", afirmou o atacante Ricardo Oliveira.
O time santista passou por uma crise interna semanas antes de se recuperar no Estadual ao ganhar duas vezes nas últimas três rodadas e vencer na quinta-feira o The Strongest, pela Copa Libertadores. Apesar da evolução, a equipe chega ao clássico em momento diferente do vivido nos encontros anteriores.
Os dois clubes intensificaram a rivalidade nos dois últimos anos. Em 2015, decidiram o Paulistão (deu Santos) e a Copa do Brasil (Palmeiras). No ano seguinte, se enfrentaram pela semifinal do Estadual, em confronto decidido nos pênaltis e vencido pelo Santos, e terminaram nas duas primeiras posições do Brasileiro.
Neste ano o Palmeiras vive momento melhor no Estadual, principalmente por já ter vencido um clássico, algo ainda inédito para o Santos, batido pelo São Paulo em plena Vila. "O Palmeiras vem de cinco bons resultados, está se consolidando. Soube que o time não ganha na Vila Belmiro desde 2011, mas isso pouco nos afeta neste momento", disse o treinador Eduardo Baptista.
Os clube venceram no meio de semana pela Libertadores e devem escalar formações parecidas às utilizadas. A expectativa é pelo confronto de atacantes entre Ricardo Oliveira, autor de quatro gols sobre o Palmeiras em anos anteriores, e o colombiano Borja, que pela primeira vez será titular em um clássico.
(Fonte: Estadão conteúdo)

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

BARRA DO ROCHA: HOMEM É ASSASSINADO À GOLPES DE FACÃO EM FAZENDA

'Um dos maiores da história', diz Petkovic sobre Júlio César

Vinícius faz golaço em empate do Real B, mas é expulso por simulação